Lata d´água na cabeça duo Hildebrando Menezes e Lia Helena Giannechini

Lata da água na cabeça
As dores nem sofrem mais
Já viraram tudo aqui do avesso
Estacionaram ao relento no cais

As lágrimas ficaram no rio… 

Ando no fio da navalha
A beleza da vida …
Até por vezes embaralha
Só abraça o sonho 

Tudo parece tão bisonho

De novos caminhos a percorrer
Quero viver o que componho
Não tenho mais como correr
Dos pesadelos medonhos

Sentada na beira do universo 

Só quero escrever meus versos
Contemplo as várias mulheres
Em suas múltiplas fases da lua
Às vezes tão sérias, puras e nuas…
As guerreiras, as faceiras, as da rua

As artistas, sofredoras,
Meretrizes, sonhadoras…
Todas elas com sua fascinante beleza
Na lata o caldo desfeito

No leito todo o deleite da sutileza

Do caminhar sem fronteiras…
A vida escolhe os caminhos 
Quando dessa vida sofrida 
Sabemos garimpar no seu ninho

O amor e a paz das despedidas
Não escolhemos nossas dores…
A gente sofre, a gente vacila na lida.
Oh chega da existência de horrores

Vamos viver só de amores…

2 comentários sobre “Lata d´água na cabeça duo Hildebrando Menezes e Lia Helena Giannechini

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s