Publicado em poesias

Doces Quimeras / Lia Helena Giannechini / tradución Silvio Rey Rebolledo Manchola

 

Doces quimeras
 

Doces são as quimeras

que me levam ao seu mundo..

e criam em meu imaginário
 
a possibilidade de você dentro de mim..
 

 

doces quimeras

que me fazer querer você perto..

que me trazem emoção de pensar

que você possa me querer tão perto..

 

doces quimeras..

que me fazem sonhar estar ao teu lado..

partilhar de sua vida cotidiana..

e entregar meus versos de mulher..

 

doces quimeras

que me fazer sonhar com você..

que me fazem sentir mulher

que me fazem abrir meu coração

 

doces tão doces estas quimeras..

porque trazem de você o que eu imagino de melhor

que possa acontecer neste momento..

sua presença em minha vida..

 

doces estas quimeras

que me fazem amar a distancia..

alguém que por um momento me encantou..

e deixou um rastro de saudade..

 

ah tão doces estas quimeras..

que todas as recordações que ela traz..

ficam guardadas em versos..

que não se apagam mais..

 

ah quimeras que eu não quero deixar..

vocês acalentam minhas noites solitárias.

trazem o amor para o coração.

mesmo que o sinta longe e distante..

 

ah quimeras loucas..

que eu não quero deixar..

que me fazem sonhar..

sonhar acordada com você chegando pra mim…

Versión Español por Silvio Rey Rebolledo Manchola

srliteratura@yahoo.es 

Dulces quimeras

Que me llevan a tu mundo

Y crean en el imaginario mío

La posibilidad de tenerlo a ti dentro de mí.

 

Dulces quimeras

Que me piden tenerle a ti tan cerca

Que me emocionan al pensar

Que tú también quieras tenerme asi tan cerca.

 

Dulces quimeras

Que me hacen soñar que estoy a tu lado

Para compartir tu vida cotidiana

Y entregarte mis versos de mujer.

 

Dulces quimeras

Que me hacen soñar contigo

Que despiertan mi feminidad

Que facilitan abrir mi corazón.

 

Dulces, tan dulces estas quimeras

Porque me traen de ti, lo que yo imagino que tu tienes mejor

Pueda acontecer aquí y ahora…

Tú presencia en mi vida.

 

Dulces estas quimeras

Que me hacen amar a distancia

A alguien que por un momento me encantó,

Y dejo en mi un rastro de nostalgia.

 

Ah!!! Tan dulces estas quimeras

Con todas las recordaciones que ellas traen

Quedan guardadas en versos

Que no se apagan ya.

 

Ah!!! Quimeras que no quiero abandonar

Voces cálidas en noches solitarias

Traen el amor al corazón

Que igual siente aunque lejos, distante

 

Ah!!! Quimeras locas

Que no quiero abandonar

Que me incitan a soñar

Soñando despierta com tú que llega a mí.

Silvio Rey Rebolledo Manchola, escritor, poeta, psicologo e professor de literatura espanhola

 

Lia Helena Giannechini’s Copyright:
 
****************
 
Copyright :: All Rights Reserved
Registered :: Thu May 19 00:39:33 UTC 2011
Title :: Doces Quimeras / Lia Helena Giannechini / tradución Silvio Rey Rebolledo Manchola
Category :: Blog
Fingerprint :: e48cb17f9ba31dc5927b070e6a5bfa46851d9c46f7380ba8689e3d59669e16ae
MCN :: ET6VA-PFN64-RAKPN

 

Anúncios

Autor:

Lia Helena Giannechini Nasceu na cidade de São Paulo, Brasil. Viveu sua primeira infância no Bairro de Santana, residindo em Santos em sua adolescência, onde estudou no Colégio São José, compondo as primeiras poesias, com a influência de J. G. de Araujo Jorge, nos anos 60. A formação humanista, leva a escolha da profissão de psicóloga. Mora atualmente em Piracicaba, realizando um trabalho como Coaching Social e empresarial, donde nasce a experiência para o livro atual. É autora de um livro de contos, Doido, Eu? Editora clube dos autores, 2012, sobre mendigos e andarilhos, diversos artigos sobre psicologia e o Blog www.alemdooceano.wordpress.com, com todas as poesias e artigosque escreveu. Co-autora do livro Poesias Contemporâneas da Editora Matarazzo,de junho de 2016, com duas poesias inscritas. Sua primeira incursão no mundo das poesias. https://www.skoob.com.br/poesias-contemporaneas-ii-605894ed605932.html Foi convidada por Sylvio Rey Reboledoa ministrar os cursos de introdução ao psicodrama, para lideres comunitários em Cali, Colômbia, pela Casa de Justicia de AguaBlanca, onde recebeu o título de cidadã benemérita em Ginebra, Vale delCauca, pelos serviços prestados à comunidade, que a recebeu de braços abertos em 2010. Já ministrou diversos cursos próprios, como Mitologia Pessoal e a Roda do Zodíaco, Além da Extensão da Mente: Oficina de Criatividade, Mitologia Pessoal – oficina de desenvolvimento humano. Oficina de Coordenação e Desenvolvimento de Grupos, Oficina de Criatividade. Trabalhou como consultora de treinamentos, em empresas como Gerdau e Engebrás. É autora de diversos artigos para o Jornal de Piracicaba de 1985 a 1987. Seu trabalho atual como Coaching prepara o jovem adulto para empreender e transformar seu conhecimento em um negócio próprio, além de desenvolver fases para consolidar as carreiras de jovens profissionais. Seu trabalho com escritora desenvolve projetos com equipes da comunidade. Atualmente faz parte do clube caiubi de compositores, onde alguns parceiros musicam suas poesias, transformando a experiência de letrista, em um processo novo e criativo. Atualmente faz parte do clube caiubi de compositores, onde alguns parceiros musicam suas poesias, transformando a experiência de letrista, em um processo novo e criativo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s